Stock Car

Stock Car: Rafael Suzuki ressalta importância da estratégia com o desgaste de pneus em Campo Grande

Bastante abrasiva, pista sul-mato-grossense volta a receber a principal categoria do automobilismo nacional. Previsão de temperaturas elevadas também aumenta desafio para pilotos e seus equipamentos

Campo Grande está de volta à Stock Car. A pista sul-mato-grossense recebe a sétima etapa da temporada 2018, dando início à segunda metade do campeonato deste ano neste domingo (dia 19) com mais uma rodada dupla.

O traçado de 3.058 metros é bastante abrasivo, o que desperta uma atenção maior de pilotos e equipes para a estratégia com relação ao degaste de pneus. Piloto da equipe Bardahl Hot Car, o paulista Rafael Suzuki está animado para a disputa.

“Campo Grande é uma pista que eu gosto. Foi uma das primeiras onde eu treinei quando comecei a correr de carro. Andei bastante lá de F-Renault e F-3. É uma pista onde eu tenho bastante familiaridade”, lembrou o piloto que na última segunda-feira (dia 13) completou 31 anos de idade.

Stock Car

“O traçado continua o mesmo, mas o asfalto ficou mais abrasivo. Fui bem lá em 2015, quando a Stock andou pela última vez em Campo Grande. Apesar do resultado final não ter sido tão bom, em termos de performance andamos muito bem”, destacou o piloto do Stock #8.

“Espero uma corrida com muito desgaste dos pneus, então essa estratégia vai ser muito importante. É uma pista em que o carro precisa estar bem equilibrado. Tem curvas de baixa, média e alta velocidades. Ou seja, é um traçado bem seleto. Além disso, as temperaturas devem estar bem altas, o que gera um desafio extra para os pilotos e os carros também. Mas estou confiante e espero lutar por um bom resultado”, completou Suzuki, que tem três Top-10 e três Top-15 na temporada.

O paulista terá nesta etapa um novo companheiro de equipe, o argentino Nestor Bebu Girolami estará no outro carro da Bardahl Hot Car, substituindo a partir de agora o paulista Guilherme Salas. Em Campo Grande, o time também não terá o terceiro carro, com o goiano Renato Braga, que volta a competir pela equipe de Amadeu Rodrigues na rodada de Cascavel, em setembro.

Os treinos em Campo Grande terão início na sexta-feira (17). No sábado (18), o classificatório será ao meio-dia (horário local). No domingo, as largadas acontecerão às 12 e 13h05 (local). Lembrando que Campo Grande está uma hora atrás com relação ao horário de Brasília. O SporTV exibe as corridas ao vivo.

Adriano Rocha

Deixe seu Comentário

Advertisement Amarok

Hospedado por ServerPro