Ford Ecosport

Ford completa linha Ecosport

Montadora apresenta versões Powershift e 4WD com motor 2.0 apostando em tecnologia e economia

A Ford começou a apresentar detalhes da nova geração do Ecosport há exatamente um ano com pílulas de como seria o novo modelo, que chegou oficialmente às revendas da marca no início de setembro. Em três meses de mercado, o SUV já vendeu cerca de 13 mil unidades.

E para completar a linha Ecosport, a Ford apresenta as versões PowerShift, com transmissão de seis velocidades e dupla embreagem e a 4WD, com tração nas quatro rodas e um pacote tecnológico que melhorou e muito a versão. As duas chegam com o motor Duratec 2.0 16V Flex.
Seis marchas e dupla embreagem

A nova versão PowerShift Automático já está a venda nas concessionárias e será oferecido a partir de R$63.390. O novo sistema é fabricado no México e inédito no segmento. As duas embreagens garantem alta eficiência e maior economia de combustível em relação às transmissões convencionais. O sistema trabalha de maneira independente para oferecer trocas mais rápidas, sem interrupção de torque durante as acelerações. Enquanto a primeira embreagem opera a 1ª, 3ª e 5ª marchas, a outra engata a 2ª, 4ª, 6ª e ré. O grande lance do conjunto é que as marchas estão sempre engatadas e o que muda é o acionamento da embreagem. Qual a vantagem? O fluxo do motor não precisa perder força para fazer as várias trocas de marchas.

O que melhorou no conjunto
O afinamento da orquestra depende de cada instrumento. O conjunto de transmissão é mais leve 20kg, que acoplado ao motor 2.0 Duratec Flex com potência de 146/140 cv (com etanol e gasolina) fez bem ao conjunto. Segundo a montadora, o Ecosport PowerShift realiza trocas mais rápidas (em até um terço do tempo), reduz em cerca de 10% o consumo de combustível e o melhor, é isenta de manutenção, uma vez que dispensa o uso de fluidos, bombas e radiadores, e tem durabilidade certificada para 10 anos ou 240.000 km de uso, seguindo os padrões de qualidade da Ford.

Ford Ecosport

Versão 4×4 à venda em janeiro 2013
O modelo 4WD chega somente na versão Freestyle ao preço de R$ 66.090 e concorre diretamente com o Duster 2.0 Dynamique 4WD, que custa 3 mil reais a menos. O carro chega com controle inteligente de torque (ITCC) e transmissão de seis marchas para oferecer um desempenho eficiente e confortável, silencioso e sem vibrações. O conjunto atua de modo permanente. O seu diferencial eletrônico garante transferência de torque a todo momento entre as rodas traseiras e dianteiras, para atender a demanda do veículo em cada condição de uso, seja com pista molhada, lama e terrenos acidentados ou em curvas. Entre as inovações, o botão no painel permite ao motorista interagir com o sistema inteligente de transferência de torque, distribuindo mais força para as rodas traseiras do que em condições normais de uso.

Ford Ecosport

Versões

EcoSport Powershift SE R$ 63.390
Chega com assistente de partida em rampa, controle de estabilidade e tração AdvanceTrac, assistência de frenagem de emergência, faróis de neblina e rack de teto. Traz ainda airbag duplo, freios ABS, SYNC Media System com Bluetooth e comandos de voz, ar-condicionado, direção elétrica, vidros, travas e espelhos elétricos, além de volante com regulagem de profundidade e altura.

EcoSport Powershift Titanium R$ 70.890
Grade cromada, rodas de liga leve aro 16, ar-condicionado digital, sistema de acesso inteligente e partida sem chave, sensor de chuva, acendimento automático dos faróis, sensor de estacionamento e retrovisor eletrocrômico. Por mais R$ 3.700, você leva airbags laterais e de cortina e bancos de couro.

Adriano Rocha

Deixe seu Comentário

Advertisement Amarok

Hospedado por ServerPro